Função pública: ser promovido às prestações

OE 2019

Durante o ano de 2018, todos os funcionários públicos e a generalidade dos trabalahdores do Estado (mesmo os que têm contrato individual de trabalho) que conseguiram ser promovidos, foram-no mas às pinguinhas no sentido em que a promoção dada em 2018 iria ser paga em quatro suaves prestações em janeiro e setembro de 2018 e … Ler mais

Manuais escolares gratuitos até ao 6º ano em 2018/2019

Não constando da proposta de orçamento do estado para 2018, resultou da discussão das alterações propostas por vários partidos que o número de anos de manuais escolares será alargado. Teremos assim manuais escolares gratuitos até ao 6º ano em 2018/2019 Já da leitura do que havia sido inscrito na proposta de Grandes Opções do Plano … Ler mais

A ler: "Os brutais credores da Grécia têm arrasado o projeto da zona euro"

Recomendamos um texto imperdível de Wolfgang Münchau escrito no Finantial Times e agora traduzido para português no Diário de notícias: “Os brutais credores da Grécia têm arrasado o projeto da zona euro“. Dois parágrafos para aguçar o interesse:   “Se despojarmos a zona euro da ambição política, esta transforma-se num projeto económico utilitário. Algumas coisas que … Ler mais

BCE: programa de Quantitative Easing 2015-2016

O BCE supreendeu os mercados com o seu programa de Quantitative Easing 2015-2016, superando em termos de desenho e dimensão da intervenção. O BCE propõem-se investir cerca de €60 mil milhões por mês até, pelo menos setembro de 2016, adquirindo vários tipos de ativos no mercado europeu, incluindo dívida soberana. Os países sob processo de … Ler mais

Draghi defende renovada ordem institucional

Mário Draghi, presidente do Banco Central Europeu inicia o ano de 2015 com uma artigo de opinião publicado no Project Syndicate e no sítio do BCE que julgamos muito relevante para dinamizar o processo de discussão e alteração institucional da Zona Euro, oferecendo várias pistas relevantes para todos os estados membros. Aborda as limitações da … Ler mais

Escudo pode implicar perda de quase metade do valor da poupança atual

Segundo um estudo do conglomerado financeiro japones Nomura – inevitavelmente falível e meramente indicativo – citado pelo Expresso na peça “O cerco ao Bundesbank para Draghi ter as mãos livres” (assinada por Jorge Nascimento Rodrigues), na eventualidade, cada vez mais plausível de países como a Grécia, Portugal, Espanha e Itália abandonarem a zona euro, as novas moedas sofreriam uma desvalorização … Ler mais

BCE afirma que poderá ter de aumentar as taxas de juro

Ontem foram notícia as declarações de um dos administradores do BCE onde afirmava que não estava colocada de lado a hipótese de o Banco proceder a uma revisão em alta das suas taxas de juro de referência. Hoje constato que a Euribor a um ano já ultrapassou os 5%, mais concretamente, 5,05%. Parece-me que o … Ler mais