Exportações aceleram ligeiramente, queda das importações abranda

Face aos dados do trimestre terminado em maio (+6,5%), as exportações aceleraram ligeiramente (+6,8%) destacando-se que tomando isoladamente o último mês para o qual há dados (junho) as exportações estão a acelerar com maior vigor (+9,2% face a igual mês de 2011). Relativamente às importações, afundaram mais devagar no trimestre terminado em junho (-8,3%) do que no trimestre terminando em maio (-9,5%). Os dados isolado do mês de junho (-2,4%) indiciam que a quebra das importações poderá abrandar significativamente, em breve.

Entretanto, as exportações para a União Europeia animaram um pouco e a taxa de cobertura das importações pelas exportações anda, em termos globais, pelos 83%, atingindo os 154,6% (mais 46 ponto que há um ano) caso se considerem apenas as trocas de bens com países externos à União Europeia.

Quadro divulgado pelo INE

Para já, o cenário continua moderamente interessante.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.

NOS