Evolução das taxas de juro médias e dos depósitos a prazo das famílias

Quando em 2008 e inícios de 2009 o crescimento dos depósitos a prazo acelerou encontravam-se algumas explicações evidentes e directas: havia uma maior desconfiança face a investimentos mais arriscados e progressivamente os depósitos a prazo vinha remunerando a melhores taxas. O mundo era um local perigoso e, talvez nessa altura, tenha

Read more