Tabelas de IRS para 2022 – Retenção Mensal na Fonte

Sem Orçamento do Estado para 2022 ainda aprovado mas já com o salário mínimo nacional decidido, o governo atualiza as Tabelas de IRS para 2022 – Retenção Mensal na Fonte no início de dezembro, ainda bem a tempo para terem impacto no primeiro mês de 2022, sem necessidade de correções retroativas.

As tabelas de IRS para 2022 apresentam maiores alterações, no sentido da descida do imposto a pagar, nos escalões mais baixos precisamente para acomodar a subida do salário mínimo nacional e correlacionado mínimo de existência, ou seja, o valor de rendimento até ao qual há isenção de IRS.

Ainda que marginalmente, esta subida do mínimo de existência acabará por ter impacto em todos os contribuites cujo rendimento o supere.

Tabelas de Retenção de IRS para 2022

Pode encontrar as tabelas de IRS para 2022, aplicáveis ao continente, na seguinte ligação:

Despacho n.º 11943-A/2021 – Diário da República n.º 233/2021 (retificado a 25 de janeiro)
Finanças – Gabinete do Secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Fiscais
Aprova as tabelas de retenção na fonte sobre rendimentos do trabalho dependente e pensões auferidas por titulares residentes no continente para vigorarem durante o ano de 2022
.

Logo que estejam disponíveis em excel e logo que haja tabelas de retenção mensal do IRS para os Açores e Madeira aqui os publicaremos.

Por memória, pode recuperar aqui as tabelas de IRS para 2021.

E os Escalões do IRS para 2022?

Recorde-se que os Escalões do IRS para 2022 (essenciais para apurar o imposto final a pagar aquando do apuramento a realizar em meados de 2023), não foram alterados, para já, em virtude do Orçamento do Estado não ter sido aprovado. A haver novos escalões do IRS para 2022 estes só deverão ser conhecidos em maio ou junho com a eventual aprovação do Orçamento do Estado já com novo governo.

Deixar uma resposta