Mudanças na Idade da Reforma, nos Pagamentos ao Fisco e nas Rendas – TOP 10

O TOP 10 dos artigos mais partilhados pelos nossos leitores a que se refere este artigo remete para as primeiros três semanas de setembro de 2020. Os três artigos mais populares da lsita de 10 que destacamos referiram-se a três temas distintos.

Em primeiro lugar, o artigo que descreve mudanças importantes no cálculo da idade a partir da qual será possível pedir a reforma antecipada, uma idade que deixará de estar fixa e passará a evoluir tal como a idade legal de reforma, mantendo a distância relativa entre as duas idades doravante. Explicamos tudo no artigo “Qual a Idade de Reforma Antecipada em Cada Ano? +100

Em segundo lugar, surge o artigo que relata as novidades que estarão em vigor, pelo menos ate´ao final do ano, relativa ao pagamento de dívidas ao fisco. Na prática, a Autoridade Tributária e Aduaneira, peranto um atraso no pagamento, proporá de forma automática um plano de pagamentos do valor em dívida, dividido em até 12 prestações mensais. Esta situação aplica-se a dívidas até €5.000 no IRS e €10.000 no IRC. Vale a pena conhecer os detalhes lendo a peça “Plano de Pagamento Automático do IRS e IRC +100

Na terceira posiçáo deste ranking, surge o artigo Cartão do Antigo Combatente – Que direitos confere?  + 100 Neste artigo damos nota do passo que faltava em termos de diplomas para que o referido cartão seja efetivo, sabendo-se agora as três vantagens  que conferirá aos seus portadores.

Segue-se, por ordem hierárquica decrescente quanto ao número de partilhas, a lista com as ligações para os restantes artigos que estiveram em destaque nas últimas três semanas. Como poderá comprovar os temas foram diversos e vários remetem para informação com impacto na vida quotidiana das próximas semanas, meses ou memso até do próximo ano.

Boas leituras e obrigado pela preferência!

Tagged under:

1 Comentário

  • Maria Oliveira Responder

    È de lamentar que apenas seja aplicada às profissões de desgaste rápido. Haveria mais ganhos se fosse aplicada a todos, a partir dos 60 anos. Vamos fazer força?

Deixar uma resposta