O regresso dos certificados de aforro e do tesouro

Evolução certificados de aforro e do tesouro - Maio 2015

A evolução certificados de aforro e do tesouro – Maio 2015 revela aquilo que podemos chamar de regresso dos certificados de aforro e do tesouro. Depois dos valores recorde, históricos, registados em janeiro de 2015, o mês anterior à pré-anunciada queda dramática das remunerações, os meses que se seguiram trouxeram os menores valores líquidos de subscrição em muitos meses, contudo, o saldo positivo tem vindo a subir gradualmente e os dados mais recentes , relativos a maio de 2015, revelam que se poderá estar próximo de uma normalização com subscrições líquidas mensais acima dos € 100 Milhões, com especial contributo dos certificados do tesouro poupança mais.

Desde fevereiro de 2015, a queda das taxas de juro dos depósitos a prazo tem sido muito pronunciada acabando por conferir de novo competitividade aos produtos de poupança do Estado. Para uma comparação mais fina recomendamos que explore o nosso ficheiro com os Melhores Depósitos a Prazo no qual também incluímos as remunerações em vigor nos certificados de aforro e do tesouro. No caso dos certificados do tesouro desagregamos a informação considerando cinco horizontes temporais de investimento para facilitar a comparação com os depósitos a prazo a 1,2,3,4 e 5 anos.

Evolução certificados de aforro e do tesouro - Maio 2015

Evolução certificados de aforro e do tesouro – Maio 2015


 

Tagged under:

Deixar uma resposta