Simulador do IRS 2011 voltou a ser revisto para correcção de erro

[wp_ad_camp_1]

Segundo lemos na imprensa vários contribuintes que começaram já a receber o reembolso do IRS depararam-se com divergências face expectativa  que tinha quanto ao que iriam receber, expectativa essa fundamentada pelo simulador OFICIAL para o IRS 2011(rendimentos de 2010) que haviam utilizado.

Foi então detectado um erro no simulador ao nível das taxas que, na prática, indicava que o reembolso a receber seria superior ao devido. O simulador foi entretanto corrigido e pode ser descarregado nas ligações disponibilizadas em baixo:

 

FormatoDescriçãoVersãoData
Modelo3IRSv2011_windows.exePara Windows1.0.102011-04-18
Modelo3IRSv2011_macos.dmgPara Mac1.0.102011-04-18
Modelo3IRSv2011_unix.shPara Outros Sistemas Unix1.0.102011-04-18

Nota: este blogue não tem qualquer relação institucional com o Ministério das Finanças. Disponibilizamos informação oriuda das mais diversas fontes, inclusive do Portal das Finanças, como é o caso.

Tagged under:

3 Comentários

  • VítorResponder

    Boa noite,
    ao preencher e simular o irs, na parte de mais valias de venda de imóvel verifiquei que o cálculo das mais valias dá sempre o mesmo valor, qualquer que seja a quota-parte do imóvel que é atribuída ao contribuinte. Estou a presumir que os valores se inscrevem por inteiro, como constam nas escrituras e nos documentos de despesa, e no coluna quota-parte se põe a correspondente à propriedade do contribuinte.
    Será um erro do simulador, ou algo me está a escapar?
    Obrigado
    Vítor

  • Jose AraujoResponder

    Tive exactamente o mesmo problema com simulador IRS2011 no que diz respeito a mais valias que o post de “Vítor on Sun, 1st May 2011 22:23 “.
    Fiz alguns testes, e só com o valor do re-investimento preenchido com o valor total da venda, o meu IRS fica ao nível do que teria se de facto não tivesse vendido apartamento. Uma vez que tive que amortizar empréstimo, tive despesas com imobiliária e ainda re-investimento, o simulador de IRS oficial não deve estar correcto.
    Vou apresentar o caso às finanças e esperar resposta

  • MiguelResponder

    É engraçado que o “erro” detectado no simulador seja a favor do estado.
    Os contribuintes têm o direito a uma explicação para o sucedido.

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.