Investe na bolsa? Está na hora de apanhar um táxi

"(…)No Ocidente, uma das regras clássicas é a velha história do taxista. Se o cliente que entra na viatura é desafiado pelo motorista a conversar sobre o próximo aumento de capital de uma empresa cotada, em vez de se limitar a escutar os protestos pelo estado do país, da cidade ou de um qualquer clube de futebol, então é porque chegou a oportunidade para se desfazer da sua carteira de acções, se tiver alguma. (…)"

in Jornal de Negócios. 

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.