blank

Melhores Spreads e TAEG no Crédito à Habitação Abril 2019

Na edição de abril de 2019 do ficheiro contendo o comparativo de spreads e TAEG de crédito à habitação adicionámos o Activo Bank à lista de instituições financeiras sob acompanhamento.

Estamos agora acompanhar onze instituições que conferem crédito à habitação em Portugal.

 

Onze bancos, todos com spread mínimo abaixo de 1,5%

Face à anterior atualização constatámos que a tendência de descida dos spreads prossegue havendo agora cinco bancos com spreads mínimos abaixo dos 1,2%.

A TAEG mínima e máxima têm acompanhado essa tendência.

Recorde-se que no comparativo incluímos apenas a modalidade mais tradicional do crédito à habitação onde o imóvel é dado como garantia e o crédito se destina estritamente à aquisição de habitação. Consideramos, sempre que existam, créditos à taxa fixa, variável ou mista, bem como possíveis variantes associadas à idade dos contraentes e/ou à duração do contrato e percentagem do valor de aquisição financiado.

No ficheiro excel com os melhores spreads e TAEG do momento em termos de crédito à habitação encontrará as ligações para os preçários cuja consulta permitirá completar a comparação que sintetizamos no referido ficheiro.

Como habitualmente, as diferenças encontradas ao nível da TAEG revelam que faz sentido investir algum tempo procurar a melhor oferta pois as poupanças acumuladas ao longo do prazo do crédito serão significativas.

blank

Curiosidade estatística de 2018:

Com o fecho das contas financeiras de 2018 ficou-se a saber que o envolvimento do crédito à habitação na aquisição de imóveis está em queda. Ou seja, o crédito à habitação aumentou mas mais lentamente do que o ritmo a que se realizam vendas de imóveis. De facto, apenas 4 em cada 10 casas vendidas envolveram a concessão de crédito à habitação, mais precisamente em 40,8% dos casos quando tinha sido de 42,7% em 2017.

Esta é uma realidade que inverte a tendência que se vinha verificando nos quatro anos anteriores.

 

Poderá encontrar o ficheiro mais recente em melhores spreads e TAEG.

3 comentários

  1. Acho que a TAEG no Banco CTT não está correcta. Realmente no precário e no site aparece essa taxa, mas se fizer uma simulação e imprimir a ficha FINE os valores são bastante diferentes, já aparece TAEG 2,1%. Ou estão a usar valores para seguros de vida muito baixos e com coberturas bastante diferentes de outros bancos.

    1. João, obrigado pelo seu comentário.
      A diferença virá provavelmente do caso se tratar de um contrato com spread base ou com spread contratado e/ou da relação entre o valor do empréstimo e o valor da garantia. Um contrato com spread contratado pressupões uma relação com o banco onde se contratam outros serviços (o que faz descer o spread e a TAEG). O spread base não pressupõe nenhum relacionamento e é mais elevado fazendo subir a TAEG.
      No excel temos a amplitude máxima de spread praticado em cada banco sendo que só consideramos crédito estritamente usado para aquisição de habitação. Consideramos a amplitude de spread e TAEG para contratos de taxa fixa. mista e variável. Recomendamos vivamente a que se consultem as ligações que disponibilizamos para os preçários como primeira forma de conhecer e melhor comparar a oferta dos bancos. Nem todos os bancos têm taxa fixa, por exemplo, o que pdoe dar uma ilusão de terem taxas máximas mais baixas. Estamos a avaliar separar as águas no futuro desagregando o comparativo em taxa fixa, taxa mista e taxa variável. mas no final será sempre muito importante comparar os preçários e as FINE.
      O nosso objetivo é mesmo alertar os leitores para a necessidade de comparar, comprar, comparar (e poupar algum trabalho colocando as ligações num único sítio).

      1. Obrigado pela resposta Rui. Eu tentei usar os mesmos valores que eles usam no exemplo do preçário, e a TAEG que a simulação apresenta no site realmente é 1.7%, mas se na mesma simulação eu pedir para imprimir a ficha FINE já aparece o seguinte:
        TAEG com Spread Base: 2.7%
        TAEG com Spread Contratado: 2.1%
        Parece-me que alguma coisa não está a ser bem contabilizada. Vou tentar pedir esclarecimentos ao Banco CTT.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *