Salário Mínimo em 2019

Salário Mínimo Nacional 2014 a 2019

Em abril de 2018, o Primeiro Ministro António Costa, voltou a afiançar que honrará os compromissos assumidos anteriormente no que se refere ao salário mínimo em 2019, ou seja, pelo quinto ano consecutivo haverá um aumento real do salário mínimo nacional em Portugal.

Mantendo-se o valor do salário mínimo em 2019 na meta já anteriormente fixada, o valor deverá fixar-se, no mínimo, nos €600 por mês o que representará um aumento de €20 face ao valor em vigor em 2018 e será também o menor aumento real nestes cinco anos, superando ligeiramente os 3% de aumento nominal (3,44%).

Note-se que a inflação para 2019 deverá rondar os 1% a 1,5% pelo que o aumento real deverá pelo menos atingir os 2%.

Recorde-se que nos anos anteriores foi assim: em 2018 o aumento foi de €23, menos €4 do que entre 2016 e 2017, tendo sido o aumento real mais baixo em quatro anos. De facto, tendo em conta a aceleração esperada da inflação face a anos anteriores, o aumento real do SMN em 2018 deverá ficar próximo dos 2,5%.

Em 2017 o aumento real foi de cerca 4,5% face ao valor de 2016. Em 2019, como dissemos, deverá ser de cerca de 2%

Salário Mínimo Nacional 2014 a 2019

Salário Mínimo Nacional 2014 a 2019

Recorde ainda as conta para o período de cinco anos que já apresentámos no artigo Salário Mínimo em 2018 sobe para €580.

Tagged under:

2 Comentários

  • Alberto FerreiraResponder

    Vergonhosa a decisão de aumentar só €20,00 o salario mínimo nacional fixando-o em 600 euros. Um salário miserável para os trabalhadores pobres, quando se sabe que há salários de gestores públicos dezenas de vezes superiores, situando-se entre 6 mil a 35 mil euros mensais.
    São gestores de empresas como EDP, REN, RTP, CGD. CP, TAP, FPF IP, e muitas outras alem das rendas que são pagas de contratos com as parcerias, etc. Em nenhum outro país se vê tão grande disparidade entre os que mais ganham e os que menos ganham, e se falarmos em reformas, então a situação é obscena quando se sabe que há reformas de 35 mil por mês (caso de Jardim Gonçalves ) que foi publicado.

    Só por curiosidade em relação ao salario mínimo nacional, veja-se Espanha com um custo de vida semelhante ao nosso, aumentou o salario mínimo de 700 para 900 euros mensais. Isso mesmo, novecentos euros por mês.

    • Rui Cerdeira BrancoResponder

      O SMN passou de €485 para €580 em quatro anos. Um aumento nominal de quase 15,4%. No mesmo período em Espanha, cresceu 13,4%. Em não se sabe qual será o SMN em 2019 em Portugal, mas não será inferior a €600. Só em 2019 Espanha passará a ter um crescimento acumulado nestes 5 anos superior: cerca de 22% contra 19%. Não é propriamente uma enorme diferença.

      O mesmo cabaz de produtos essenciais custa em Espanha 90,1 enquanto que em Portugal custa 79,6 (dados de 2016, para o Nível Preços Relativo) pelo que o custo de vida não é semelhante entre Portugal e Espanha. Sendo certo que até há produtos mais baratos em Espanha do que em Portugal, em média, para comprar o mesmo cabaz terá que ter mais dinheiro em Espanha do que em Portugal.
      Isto diz-nos que devemos ter cuidado na comparação direta entre coisas como o valor nominal do SMN entre os dois países.
      O salário mínimo em Espanha em 2018 não é de €700 mas de €735,9.

      Há vários países no mundo com dispersões salariais superiores à registada em Portugal. Ainda assim é verdade que somos um dos países onde a dispersão é maior dentro da União Europeia. Segundo os dados mais recentes (de 2014) só em três países a situação era pior.

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.