Hotelaria continua de vento em popa – outubro de 2014

Mais clientes, melhores taxas de ocupação, mais receitas por quarto. O ano 2014 promete voltar a bater muitos recordes na atividade turística nacional. A hotelaria continua de vento em popa com a evolução a superar os dados anteriores já de si reveladores de elevado dinamismo. Segundo o INE, nas suas estatísticas sobre a Atividade Turística, “as dormidas na hotelaria atingiram 4,2 milhões em outubro de 2014, correspondendo a um acréscimo homólogo  de 13,9% (+9,9% em setembro).” Esta evolução foi particularmente saudável por se basear quer na evolução entre residentes (+12,5%) quer entre não residentes (+14,4%), ambos em crescimento face a setembro

Entre os 10 maiores mercados emissores o INE destaca a Itália (+31,6%), a Bélgica (+30,4%) e a França (+23,0%) como tendo registado os maiores incrementos, revelando que todos os 10 mercados registaram um aumento homólogo dos turísticas enviados para Portugal.
Quanto a dados de produção, destaca-se a manutenção da estada média nas 2,85 noites face a outubro de 2013  e o aumento da taxa de ocupação-cama 45,0% (+3,4 pontos percentuais em termos homólogos).

Rendimento Médio por Quarto Disponível Outubro 2014

Rendimento Médio por Quarto Disponível Outubro 2014
Fonte: INE

Quanto aos retornos os resultados não são menos animadores, de facto, os proveitos totais aumentaram 15,2% enquanto os de aposento aumentaram 16,3%, ambos em termos homólogos e ambos com uma aceleração face a setembro. Quanto ao Rendimento por quarto disponível (RevPAR) constatou-se um aumento de 11,6% acelerando face a setembro (+9,5%) e correspondendo a 32,6 euros.

 

Tagged under:

Deixar uma resposta