5 passos para poupar na alimentação – Manual "Alimentação Inteligente" grátis

Já está disponível o Manual “Alimentação Inteligente – Coma melhor, poupe mais” com a chancela partilhada entre a Direção Geral de Saúde, Endred e FOOD. Esta manual digital de acesso gratuito pretende contribuir para melhoria da qualidade dos hábitos alimentares dos portugueses oferecendo várias conselhos e recomendações práticas ajustadas às limitações orçamentais que afetam muitas famílias portuguesas. Procurará responder de forma prática a questões sobre: como organizar o frigorífico ou como utilizar a roda dos alimentos ou ainda o que tomar ao pequeno-almoço?

 

5 passos para poupar na alimentação

alimentação saudávelDas 92 páginas do manual destacamos o capítulo de cerca de 15 páginas dedicado a “5 passos para poupar na alimentação”. Um excerto:

“De uma forma simples e prática selecionamos 5 conceitos chave, representados na seguintefigura, que deve ter em consideração para o planeamento de uma alimentação saudável e ao mesmo tempo económica.
1 – Evite comprar “lixo alimentar”.
2 – Um pequeno-almoço barato e bom.
3 – Alimentação económica e com qualidade na escola.
4 – Sopa a solução mais versátil em tempos de crise.
5 – Dieta Mediterrânica como uma solução de poupança. (…)

Um pequeno-almoço barato e bom
• Comece sempre o seu o dia com o pequeno-almoço! – O pequeno-almoço deve ser realizado na 1ª meia hora do dia.
• Não se esqueça, esta refeição deve ser realizada em família e preferencialmente em casa! – Proporciona mais um momento de convívio familiar e também traz vantagens económicas.
• Um bom pequeno-almoço deverá corresponder a cerca de 20% da energia total do nosso dia.
• O pequeno-almoço deve ser completo, variado e equilibrado, ser rico em hidratos de carbono de absorção lenta, em proteínas e com baixo teor de gorduras. Deverá incluir alimentos do grupo dos cereais e derivados, do grupo dos laticínios e do grupo da fruta. As fontes de cereais como o pão, as bolachas, as tostas ou os cereais de pequeno-almoço devem ser, de preferência, de cor escura, por serem mais ricos em fibras, vitaminas e minerais. Os laticínios são ricos em proteínas de alto valor biológico, pelo que devem fazer parte desta refeição, assim como, a fruta que confere vitaminas, minerais e fibras importantes ao nosso organismo.
• Proporciona uma quantidade considerável de nutrientes, dificilmente recuperáveis ao longo do dia se for esquecido.
Hora de acordar, hora de tomar o pequeno-almoço!

As crianças que não tomam o pequeno-almoço apresentam menores níveis de atenção, têm mais dificuldade em concentrar-se, podendo mesmo resultar num menor sucesso escolar.

O pequeno-almoço é uma das refeições mais importantes do dia – é fundamental pois proporciona ao organismo a energia e os nutrientes necessários ao começo de um novo dia. O pequeno-almoço contribui para uma distribuição alimentar e energética mais saudável e equilibrada ao longo do dia.

Boas leituras!

Tagged under:

Deixar uma resposta