Balança Comercial portuguesa continuou a melhorar em Abril de 2011

Com a exportações (-16,2%) a crescerem sensivelmente ao dobro do ritmo das importações (8,8%) no trimestre terminado em Abril de 2011, face a igual período de 2010, o desequilibrio crónico da balança comercial portuguesa continua a desagravar-se.

Como consequência, as exportações portuguesas foram capazes de gerar recursos equivalentes a 70,0% de tudo o que foi consumido em importações no mesmo trimestre (taxa de cobertura).

Outro facto particularmente significativo é o maior reequilibrio da balança comercial no comercial intracomunitário (taxa de cobertura de 71,3%) o que compara com trimestres anteriores em que uma parte importante do reequilibrio global advinha do comércio extra-comunitário (que se degradou no período em análise com o crescimento das importações a superar o das exportações à conta dos combustíveis).

Mais detalhes no destaque do INE (clique aqui).

Tagged under:

Deixar uma resposta