SCUTS: Validação de pedidos de isenção de portagens promete muitas horas de espera

[wp_ad_camp_1]

Tal como aqui avançamos há cerca de dois meses, no artigo “VIA VERDE: tem 60 dias para provar isenção e descontos nas SCUTS (act.II)“, os clientes da Via Verde tinham 60 dias para fazer prova presencial do direito a terem isenção no pagamento das portagens da ex-sctus após terem feito o registo do pedido online no sítio da Via Verde.

Em bom rigor, a prova poderia ser presencial ou poderia ser feita por carta, enviando uma fotocópia reconhecida notarialmente dos documentos do automóvel que atestassem a residência num dos concelhos abrangidos pela isenção. Como a segunda alternativa implica um custo que ronda os 20€ (ver “Mais de 50 mil pedidos de isenção de portagens ainda por validar” no Negócios) os utentes da Via Verde têm preferido recorrer à prova presencial num dos centros de atendimento. No entanto, apesar dos 60 dias disponíveis para efectuar a prova, com o aproximar do prazo para quem efectuou os primeiros pedidos do identificador a situação ameaça tornar-se caótica. Os tempos de espera registados nos últimos dias indicados na imprensa são já de 3 horas.

Segundo o Negócios:

“A Via Verde tem apenas quatro lojas (Aveiro, Santa Maria da Feira, Porto e área de serviço Trofa/Santo Tirso da A3) nas zonas das três antigas auto-estradas sem custos para o utilizador (SCUT). “

Temos acompanhado a novela, omitindo intencionalmente episódios repetidos, actos falhados e demais redundâncias de enredo, ainda assim, a imagem e as consequências que ficam de todo este processo vão bem para além do custo para o utilizador cada vez que passa na portagem virtual (agora pórtico), custos adicionais que podiam e deviam ter sido evitados caso tivesse existido planeamento, antecipação das dificuldades práticas e engenho, enfim, um mínimo de avaliação de impacto. A novela prosseguirá já no início de 2011 com a alargamento das portagens à generalidade das SCUTS remanescentes.

Tagged under:

1 Comentar...

  • mmmiladyResponder

    Eu validei na loja temporária da Via Verde, na Brisa, nas antigas portagens de Ermesinde (saída da A3 antes das portagens para Ermesinde/A41) e demorou menos de uma hora.

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.