ATENÇÃO: Em Fevereiro pode ter de devolver parte do salário (além do corte)

Se trabalha para o Estado certamente terá presente como muito raramente os aumentos salariais se efectuam logo no mês em que entram em vigor. Muito frequentemente há lugar a retroactivos pagos no mês em que efectivamente se regulariza a situação com o novo salário. Pois este ano poderá não ser diferente mas com uma diferença de monta: não há aumentos de salários mas sim corte nominal e real dos vencimentos de quem recebe acima de 1550€ (recorde aqui a tabela com os cortes). Assim sendo pode acontecer que o seu salário em Janeiro de 2011 seja igual ao de Dezembro de 2010, por via de atrasos no processamento das alterações salariais, o que pode conduzir a um acerto em Fevereiro. Ou seja, em Fevereiro, com os retroactivos, o seu salário poderá ser cortado em dobro face ao que deveria ser caso o processamento dos cortes salariais tivesse sido feito logo no vencimento de Janeiro.

Pelo sim pelo não, o ideal é estar prevenido para contar com essa potencial surpresa, algo que poderá antecipar no momento em que receber o sue vencimento de Janeiro de 2011.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.