Eu quero um parquímetro só para mim

O novo parquímetro portátil individual da EMEL (chamado de “SmartPark” – o que seria se não tivesse um nome inglesado!) começa a ser vendido e entregue aos clientes esta terça-feira, dia 23 de Fevereiro. O que avançámos há algumas semanas no artigo “Parquímetros individuais da EMEL à venda: 32 euros” confirma-se largamente. Para já mantemos a lista de vantagens e desvantagens então enunciadas, acrescenta-se apenas que na fase de lançamento os 32€ de custo são mitigados por um cartão carregado com 30€ para gastar em horas de estacionamento.

Para breve, será ainda lançado o fiscal de finanças portátil que mediante um módico aluguer lhe garantirá que o integral cumprimento das suas obrigações fiscais. Os custos do aluguer serão dedutíveis em sede de IRS majorados em 150%. Ok, não resistimos à chalaça. No fundo no fundo o parquímetro portátil não traz mal ao mundo, é uma alternativa que poderá revelar-se conveniente para vários utentes.

Tagged under:

4 Comentários

Deixar uma resposta