Blogs do Ano - Nomeado Política, Educação e Economia

Depressa e bem a cobrar impostos em dívida

Quando se poderia esperar que o histórico de laxismo na cobrança fiscal podesse deixar de estar do lado dos melhoramentos na capacidade de cobrança coerciva dos últimos anos, notícias como esta que se segue dão-nos a indicação de que há ainda margem para bater records. Mais receita, mais receita, mais receita e pelo caminho mais justiça. Deste lado da questão estamos bem conversados.

"(…) A Direcção-Geral dos Impostos (DGCI) alcançou ontem um valor de cobrança coerciva de 1.000 milhões de euros desde 1 de Janeiro de 2007. Este é o ano em que a Administração Fiscal atingiu mais cedo este limiar de cobrança, antecipando em cerca de um mês o referido nível de realização face ao ano passado. (…)"

In Jornal de Negócios. 

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.