Banco de Portugal está a recrutar Senior Data Engineer e Jurístas – Set 2021

O mês de agosto não será dos mais eficazes para um processo de recrutamento bem sucedido. Mas o que é certo é que pelo menos dois dos reguladores financeiros da nossa praça abriram vagas e lançaram várias concursos em agosto de 2021. Da CMVM já demos nota (que entretanto prolongou os prazos dos concursos) e neste artigo destacamos o Banco de Portugal que está recrutar Senior Data Engineer e Jurístas.

Qem estiver interessado em ir acompanhando as ofertas destas instituições deverá visitar regularmente as respetivas plataformas de recrutamento. Neste caso, estão ambas em SAP Success Factors. Pod encontrar aqui a do Banco de Portugal e aqui a da CMVM (que à data em que consultámos o sítio ainda tinha 3 vagas em aberto).

Pode também enviar candidaturas expontâneas para ser incluído nas respetivas bases de dados durante alguns meses.

Em qualquer dos casos, os interessados devem registar-se em ambas as plaformas de modo a poderem concorrer.

Acompanhar as redes sociais das instituições tambem pode ser um método interessante. Tanto o Banco de Portugal quanto a CMVM têm presença no Linkedin e no twitter onde promovem as vagas que vão disponibilizando.

Banco de Portugal está recrutar Senior Data Engineer

O destaque concreto que fazemos nesta peça é para a vaga de Senior Data Engineer, uma área onde o mercado está com lacunos de pessoal e que o Banco de Portugal pretende reforçar. Republicamos em baixo o anúncio da vaga que está disponível até 22 de setembro de 2021.

Desejamos desde já boa sorte aos candidatos!

Oportunidades de carreira: Senior Data Engineer (2543)

O Banco de Portugal admite senior data engineer para o Departamento de Sistemas e Tecnologias de Informação (DSI).

PRINCIPAIS RESPONSABILIDADES

Definir arquiteturas de solução técnica para implementação de componentes aplicacionais nas diferentes fases do ciclo de vida da informação (por exemplo, recolha de fontes, gestão, controlo de qualidade, apuramento de indicadores e análise de dados), tendo em conta paradigmas de big data, processamento distribuído e BI tradicional;

Selecionar métodos e ferramentas apropriados para cada uma das fases do ciclo de vida da informação;

Modelar dados para implementação técnica e definir os processos de transformação de dados para apuramento de indicadores de negócio e para exploração por data scientists e analistas de negócio;

Avaliar e estabelecer de que forma a analítica avançada pode criar e entregar valor acrescentado a use cases de negócio, realizando a automação de processos e definindo modelos de governação e modelos operativos;

Estruturar e disponibilizar os dados para uso através de ferramentas de visualização, de modo a gerar maior valor ao negócio, de acordo com os use cases existentes;

Identificar e priorizar requisitos com áreas de negócio e desenvolver e acompanhar a análise de requisitos (funcionais e não funcionais), bem como a especificação e o desenho técnico da solução a implementar, gerindo as expectativas dos interlocutores;

Apoiar a coordenação de equipas de trabalho multidisciplinar na implementação de componentes aplicacionais e gerir as atividades de manutenção evolutiva dessas componentes, de acordo com a metodologia de gestão de projetos definida internamente;

Gerir a implementação das componentes, dos testes, da documentação efetuada, da política de acessos, do modelo de governação, dos manuais e sessões de formação e do deployment;

Monitorizar as atividades de desenvolvimento mediante a definição de métricas que permitam avaliar o valor entregue pelas componentes SI/TI criadas.

PERFIL REQUERIDO

  • Licenciatura pré-Bolonha ou licenciatura pós-Bolonha com parte curricular do mestrado concluída, nas áreas de Informática, Engenharia Informática ou em áreas conexas;
  • Experiência profissional mínima de sete anos em atividades de:
  • Análise de requisitos de sistemas e funcionalidades BI tradicional, big data advanced analytics;
  • Desenho de arquitetura de soluções e processos BI tradicional, big data e advanced analytics;
  • Implementação de processos de recolha, preparação e transformação de dados;
  • Implementação de modelos analíticos e data warehousing;
  • Data visualization/Storytelling e respetiva criação de outputs (desenho e desenvolvimento de dashboards);
  • Implementação de modelos de automação de processos com recurso a técnicas de machine learning.
  • Experiência profissional na gestão de projetos SI/TI, na elaboração de planeamentos, na gestão de orçamentos e de riscos, e no contacto com utilizadores de negócio;
  • Conhecimentos aprofundados em Microsoft SQL Server, Microsoft SSIS, Microsoft SSRS, Microsoft SSAS multidimensional e tabular, Microsoft Power BI e Python;
  • Conhecimentos de paradigmas e tecnologias big data, tais como Spark, Kafka, HDFS, CEPH;
  • Preferencialmente com certificações ou formação em:
  • Microsoft SQL Server, Microsoft SSIS, Microsoft SSRS, Microsoft SSAS multidimensional e tabular;
  • Bases de dados e motores de processamento distribuído big data;
  • Python ou R;
  • Troubleshooting e análise de performance de soluções, incluindo otimização e operacionalização de modelos de machine learning;
  • Metodologias e instrumentos de modelação Agile, RUP, UML ou ArchiMate.
  • Sentido de responsabilidade, disponibilidade, espírito de iniciativa e autonomia;
  • Capacidades de análise crítica, de planeamento e organização do trabalho, e de comunicação e negociação;
  • Facilidade de relacionamento interpessoal e de trabalho em equipas multidisciplinares;
  • Orientação para a qualidade e rigor no cumprimento de prazos;
  • Domínio da língua inglesa (oral e escrito).

PROPORCIONAMOS

A possibilidade de trabalhar numa instituição de referência, que atua em contexto internacional e que privilegia a realização e o desenvolvimento dos seus colaboradores.

Condições remunerativas compatíveis com a experiência e a responsabilidade da função a desempenhar.

O Banco de Portugal é um empregador que garante a igualdade de oportunidades a todos, respeitando a diversidade dos seus candidatos.

PADRÕES GERAIS DE CONDUTA

O percurso profissional anterior deve revelar uma conduta orientada por elevados padrões de ética profissional, equivalentes aos aplicáveis aos trabalhadores do Banco de Portugal.

Neste sentido:

  • deve revelar disponibilidade para o escrutínio necessário à verificação do cumprimento dos deveres gerais de conduta aplicáveis aos trabalhadores do Banco de Portugal;
  • deve manifestar um forte envolvimento na missão de interesse público que, por lei, é atribuída ao Banco de Portugal.

No momento da admissão, será solicitada a assinatura de uma declaração de tomada de conhecimento e de adesão ao Código de Conduta dos Trabalhadores do Banco de Portugal e ao Regulamento da Comissão de Ética e dos Deveres Gerais de Conduta dos Trabalhadores do Banco de Portugal, disponíveis para consulta na página do Banco de Portugal:

CANDIDATURA

Se reúne as condições requeridas, poderá apresentar a sua candidatura até ao próximo dia 22/09/2021 (inclusive).

Em caso de dificuldade no preenchimento ou no envio da ficha de candidatura eletrónica, por favor contacte o Banco de Portugal pelo telefone +351 213 130 000 (disponível nos dias úteis entre as 8h30 e as 18h00).

Anúncio consultado na área de recrutamento do Banco de Portugal em 8 de setembro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *