Qual o melhor meio para contactar a TAP para gerir reservas?

Em tempo de pandemia as companhias aéreas têm sido das empresas com maior impacto operacional e financeiro e estão entre as que se adivinha virem a ter impactos mais duradouros.  Concomitantemente, num negócio centrado num número muito expressivo de reservas que se estendem ao longo de largos meses, o fluxo de interações entre clientes e empresas tem sido anormalmente elevado e os canais habituais estão a ter dificuldades em dar conta do recado com níveis de atendimento aceitáveis. Contactar a TAP para gerir reservas pode, neste contexto, ser um desfio.

De facto, a TAP não tem sido excessão e têm-se identificado lacunas importantes de comunicação com os clientes, desde logo ausência de notificações sobre cancelamento de vôos, entre outros.

 

Melhor meio para contactar a TAP para gerir reservas

O contacto telefónico direto será um dos meio mais congestionados e com maiores dificuldades em garantir um atendimento célere. São comuns períodos de espera muito longos e a frustrante queda da chamada por excesso de tempo é um problema real.

As alternativas passam por usar o email dedicado ao tema (reservas [arroba]tap.pt) onde deverá ter o cuidado de indicar claramente o código da reserva e o número de bilhete bem como o nome e apelido. desta forma, mesmo que o tempo de resposta seja prolongado, ficará com prova de contacto e de manifestação de intenções atempada sobre o que pretende fazer (alterar, cancelar, pedir reembolso, etc).

Um outro meio que se tem revelado especialmente célere e eficaz é o uso do serviço de apoio ao cliente centrado nas redes sociais. O destaque especial vai para a conta do twitter da TAP (@tapairportugal) através da qual temos evidência de em poucos minutos se ter conseguido resolver uma situação que se encontrava “encalhada” por outros vias.

A conta não serve apenas como instrumento promocional da companhia, serve também para prestar serviço. Se pretender tentar esta opção recomendamos que crie uma conta no twitter, siga a conta da TAP e envie o seu pedido através de mensagem privada (direct message). Desta forma só o gestor da conta da TAP e o cliente estarão a ver a informação trocada.

Naturalmente, o afluxo de clientes e os recursos disponíveis no atendimento determinará a capacidade de resposta também por este canal mas a verdade é que não estará a er utilizado de forma tão comum o que deverá justificar porque se tem mantido com tempos de espera bem mais aceitáveis.

Boa sorte!

Não deixe de ler todos os artigos sobre o COVID-19 que temos publicado, muitos deles destacando perguntas e respostas sobre algumas das medidas mais emblemáticas.

Tagged under:

2 Comentários

  • Maria Eduarda Horta Correia da Graça Responder

    Permita-me apenas que informe que o email que informa foi descontinuado há vários anos e o tempo médio de resposta nas redes sociais pode ser superior a uma semana.

  • Manuel Feliciano da Graça Responder

    Permita-me apenas que informe que o email que informa foi descontinuado há vários anos e o tempo médio de resposta nas redes sociais pode ser superior a uma semana.
    (Por lapso o nome que inserio no comentário anterior não é o correto)

Deixar uma resposta