PIB 2017 cresce 2,7% – crescimento maior só no ano 2000

PIB 2017 cresce 2,7% e é preciso recuar ao ano 2000 para encontrar uma taxa de crescimento real anual do PIB superior à de 2017, concretamente, 3,79%.

Os dados finais de 2017 foram divulgados pelo INE a 14 de fevereiro de 2018 e surgem incluídos na Estimativa Rápida das Constas Nacionais Trimestrais que apresentam o primeiro valor referente ao trimestre, no caso ao quarto trimestre de 2017.

Nas estimativas rápidas não há ainda grandes detalhes quanto às componentes do PIB, algo que será divulgado a 28 de fevereiro.

Contudo, o INE aponta desde já alguns números adicionais. Desde logo destaca que a evolução do PIB em 2017 face a 2018, que se traduziu num aumento real de 1,2 pontos percentuais, se deveu ao “aumento do contributo da procura interna, refletindo principalmente a aceleração do Investimento, uma vez que a procura externa líquida apresentou um contributo idêntico ao registado em 2016“.

Sobre o quarto trimestre, que desacelerou ligeiramente em termos homólogos face ao terceiro (de 2,5% para 2,4%) o INE afirma que:

O contributo positivo da procura interna para a variação homóloga do PIB diminuiu, em resultado do abrandamento do Investimento e do consumo privado. Em sentido oposto, o contributo da procura externa líquida foi positivo (no trimestre anterior tinha sido negativo), refletindo a aceleração em volume das Exportações de Bens e Serviços e a desaceleração das Importações de Bens e Serviços.”

A variação em cadeia foi mais robusta do que entre o segundo e o terceiro trimestre: de facto, o PIB do quarto trimestre, em termos reais, cresceu 0,7% mas duas décimas que entre os dois trimestres anteriores.

PIB 2017 – Fonte: INE

Com os dados mais completos a divulgar no final de fevereiro será possível, entre outros, conhecer o crescimento nominal do PIB, especialmente relevante para a construção de indicadores como o peso do défice no PIB ou da dívida pública no PIB.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.