Novas Encomendas na Construção no Melhor Nível Desde 2014

Novas encomendas na construção

O índice de novas encomendas na construção do INE fixou-se no primeiro trimestre de 2016 no melhor nível desde o quarto trimestre de 2014 quando se analisa a série de variações homologas. O índice de novas encomendas na construção aumentou 13,2% no primeiro trimestre face ao período homólogo refletindo, essencialmente, o forte crescimento das encomendas do segmento de Obras de Engenharia (49,3%). Na construção de Edifícios, pelo contrário, a evolução foi negativa (-16,8%).

Construção de Obras de Engenharia impulsiona novas encomendas na construção:

Este é um raro indicador positivo relativo à atividade da construção (face ao índice 100 do ano 2000 estávamos no valo 24,6 em 2015), ainda assim deve ser lido com cautela pois estamos na presença de um índice significativamente volátil. Observando a  variação média dos últimos quatro trimestres que  compara o nível das encomendas destes trimestres com os quatro imediatamente anteriores obtém-se um indicador mais estável.

Em concreto este indicador confirma que estamos perante dados positivos significativos já que desde o segundo trimestre de 2015 não se registava um valor tão positivo para a evolução total das novas encomendas da construção.

Novas encomendas na construção

O INE recolhe informação administrativa sobre o valor da procura de produtos e serviços e constrói o presente índice com base nessas dados que são ainda sujeitos a revisão, tipicamente durante os dois trimestre seguintes à primeira difusão. Nos últimos dados revelados, registaram-se revisões em alta, exclusivamente em relação ao segmento de construção de edifícios.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.