No máximo dentro de 5 anos todos os sacos de plásticos serão pagos

No máximo dentro de 5 anos todos os sacos de plásticos serão pagos. O Parlamento Europeu aprovou a oneração de quase todos os sacos de plástico, nomeadamente os dispensados aos clientes pelas grandes superfícies de retalho. O objetivo é reduzir em 80%, até 2019, o consumo de sacos de plástico na União Europeia.
O processo legislativo teve origem na Comissão Europeia tendo o Parlamento aprovado agora uma resolução que introduz várias alterações à proposta inicial, nomeadamente por introduzir metas específicas face ao ano de referência utilizado (2010).
Apenas se poderão manter gratuitos chamados sacos “muito leves”, com menos de 0,01 milímetros, habitualmente usados para embalar vendas avulso como carne ou peixe.
O processo legislativo não está contudo terminado dado que haverá ainda necessidade de a Comissão Europeia e o Conselho Europeu deliberarem face a esta contraproposta do Parlamento Europeu.
Os sacos de plástico agora visados são, entre outros, uma das maiores fontes de poluição no mar. Note-se contudo que o ganho na redução da produção destes sacos poderá não ser direto dado que há uma parte significativa que poderá estar a ser utilizada para outros fins (por exemplo, acomodação de lixo dos agregados familiares) que poderá ter ser substituído por outros sacos (sacos do lixo) caso não se encontre, também nessa vertente, uma melhor forma de transportes dos lixos.
Em Portugal há algumas cadeias de supermercados que já cobram entre 2 a 4 cêntimos pelos sacos havendo também campanhas de sensibilização para a aquisição de sacos mais duráveis, reutilizáveis várias vezes.
Procuraremos acompanhar a evolução deste caso.

Tagged under:

3 Comentários

  • PQP Europa Responder

    Passarão alguns a despejar o lixo avulso nos contentores. Ou até na rua, janela abaixo. Ainda não decidi.

  • manuel pereira Responder

    É A TRISTEZA DOS EURODEPUTADOS EUROPEUS. QUEREM POR OS CONSUMIDORES A ANDAREM COM AS COMPRAS EM BALDES, OU EM BACIAS ÁS COSTAS…

  • ensacado Responder

    Assim o consumidor tem o direito de levar sacos que não incluam o nome das superfícies comerciais, senão está a pagar para os outros fazem publicidade. Os sacos do lixo também são de plástico…

Deixar uma resposta