Taxa de desemprego real no 25% para 1,4 milhões de desempregados

O jornalista Luís Reis Ribeiro do Dinheiro Vivo pegou nas estatísticas do emprego do 4º trimestre ontem divulgadas pelo INE e juntou aos desempregados em sentido estrito todos aqueles identificados pelo INE como estando à procura de emprego mas que no trimestre em causa não o puderam fazer (30,7 mil) e aqueles que se declaram disponíveis para trabalhar mas que talvez por  já estarem completamente desanimados – não cumprem com os requisitos de quem está ativamente à procura de emprego (259,8 mil). Os valores finais são ainda mais avassaladores: a taxa de desemprego sobe para 25% e a população desempregada supera os 1,4 milhões de pessoas.

Ainda das estatísticas de ontem recorda-se que estar desempregado e receber-se subsídio de desemprego é já um fenómeno minoritário dado que 57% dos desempregados não têm já direito a esta subvenção.

Tagged under:

1 Comentário

  • Emprego Dinheiro Responder

    Em termos oficiais, a taxa de desemprego estimada para o 4º trimestre de 2012 foi de 16,9%, mas a realidade andará mais pelos números apresentados em cima, infelizmente.

Deixar uma resposta