Só um salário mínimo de €511 em 2013 garantiria poder de compra de 2011

Na sequência do artigo anterior, “Salário mínimo nacional 2011 a 2013 – três anos consecutivos em queda“, faltou fazer a conta final que passa por saber de quanto deveria ser hoje o salário mínimo nacional para que este conseguisse garantir o poder de compra que tinha em 2011.

Sabendo que a queda real foi de 5,4% chegamos à conclusão que, para que o SMN não tivesse caído de valor este ano deveria ser de €511. Ou seja, só acima deste valor estaríamos perante o efetivo aumento do poder de compra de quem recebe o salário mínimo isto desconsiderando eventuais aumentos de fiscalidade que tenham passado a recair sobre esta remuneração.

Tagged under:

Deixar uma resposta