Portugal: importações cairam mais de 17% em Junho de 2011

No trimestre terminado em Junho, as exportações portuguesas registaram uma variação homóloga de 17,4% enquanto as importações apenas subiram 1,9%. Note-se que no trimestre terminado em maio, estes valores haviam sido de 16,4% e de 10,8%, respectivamente.

O mês de junho, em concreto, ficou marcado por um aumento das exportações em 14,0% face ao mesmo mês do ano anterior (em desaceleração face a maio), enquanto as importações cairam 17,3%, numa alteração radical face à tendência que se vinha registando nos últimos meses. Segundo o INE, esta queda das importações deveu-se a quebras registadas tanto “no Comércio Intracomunitário como no Comércio Extracomunitário, embora com maior intensidade nas importações de bens originários dos países extracomunitários.

A nível intracomunitário, o INE refere a forte queda das importações de veículos e outro material de transporte como justificação para a primeira retração global do ano no nível de importações.

Se nos é permitido um palpite informado, nos próximos meses adivinha-se uma desaceleração significativa das exportações, devendo as importações passar a registar variações homólogas trimestrais negativas.

A taxa de cobertura das importações pelas exportações é agora de 71,6%.

(Em atualização)

 

Clique aqui para aceder ao relatório completo do INE: Comércio Internacional-Saídas aumentam 17,4% e Entradas 1,9% – Junho de 2011.

Tagged under:

Deixar uma resposta