Quantas acções da Galp tenho de comprar para anular o aumento dos combustíveis?

O Jornal de Negócios publicou hoje umas contas engraçadas, cheias de hipóteses fortes, mas ainda assim acabando por chegar a um exercício meritório no qual se responde a “Quantas acções da Galp tenho de comprar para anular o aumento dos combustíveis?”.

A lógica é simples: se ao aumento dos combustíveis está associado um maior lucro das petrolíferas, toca a ser dono de uma petrolífera para receber via dividendos o que se pagou a mais no posto de abastecimento.

Sem prejuizo de vir aqui a (re)fazer as contas (até porque vem aí o número mágico dos $100 por barril) desafiava o Jornal de Negócios a fazer outra conta: a apurar quanto é que o preço dos combustíveis subiu de facto ao longo do ano até ao momento. Sugiro apenas que se fizessem as contas em euros.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.