BCE disponibiliza dinheiro a preço de saldo

Depois da anunciada concertação dos Bancos Centrias talvez esta seja a primeira medida concreta dessa política: o BCE vai disponibilizar até ao final do ano tanto dinheiro quanto seja requerido pelas instituições financeiras a uma taxa inferior à que actualmente os bancos cobram nos empréstimos entre si.

Só hoje, se leio bem esta notícia, o BCE disponibilizou 348,6 mil milhões de euros. Os mercados, tendo começado o dia algo apóticos e com tendência depressiva, assim que souberam da novidade reagiram com fortes subidas. Mais uma reacção eufórica para logo a seguir tudo voltar ao mesmo? Face à promessa do BCE, talvez até ao final do ano haja um período de tréguas. Veremos. Entretanto, vão chegando sinais de contágio para a dita economia real destes últimos meses de comportamente neurótico dos mercados accionistas, imediatamente compensados pelo retrocesso dos algo especulativos preços dos combustíveis.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.