O que seria para si um bom desempenho do PIB no 3º Trimestre de 2006? (II)

O que seria para si um bom desempenho do PIB no 3º Trimestre de 2006? Não havendo ainda leitores que se atrevam a responder à pergunta, recolhemos algumas respostas avançadas por especialistas citados pela imprensa. Nomeadamente, no Diário Económico lê-se:

” (…) Os analistas consultados, que estão a trabalhar com os dados ainda não revistos do INE, preferem apostar num crescimento anual entre 1,3% e 1,4%, em linha com a meta do Executivo. Para isso, dizem, é preciso que a economia cresça cerca de 0,2% no terceiro e outros 0,2% no quarto. Em termos homólogos, as variações cifrar-se-ão em torno de 2% e 1,7%, respectivamente. (…)

Em todo o caso, destacam os mesmos especialistas, a aceleração homóloga significativa esperada para o terceiro trimestre deve-se ao facto de em 2005 o crescimento ter sido anormalmente frágil por causa da antecipação de muitas despesas de consumo de bens duradouros, na sequência do aumento do IVA a partir de 1 de Julho. Paula Carvalho, do Banco BPI, e Rui Constantino, economista-chefe do Santander, temem que as importações, por exemplo, possam ser revistas em alta, afectando negativamente o contributo das exportações líquidas para o PIB em todo o ano de 2006. Poderá ter sido essa a hipótese que levou o Banco de Portugal a ser mais comedido nas suas previsões, explicam. (…)”

Mais logo, às 15 horas temos o tira teimas sobre o PIB no 3º Trimestre de 2006.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.

NOS