Abono de família poderá subir 20% para famílias monoparentais

O abono de família poderá subir 20% para algumas (?) famílias monoparentais e será criada a figura do subsídio social de maternidade que visará garantir um apoio de 325€ durante quatro meses (após o parto). Esta última medida destina-se a mães que não tenham carreira contributiva e façam prova de não ter rendimentos.

Tudo é ainda muito difuso pois as medidas acabaram de ser anunciadas pelo Primeiro-ministro no Parlamento juntamente com outras que envolvem o complemento solidário para idosos que será aumentado para um mínimo de 400€.

Nos próximos dias tentaremos perceber exactamente o que é que está em causa.

22 thoughts on “Abono de família poderá subir 20% para famílias monoparentais

  1. O que é que uma pessoa desempregada com 4 filhos de 16,11,5 e anos e um com 8 meses na barriga espera da vida?? Este tipo de pessoas deviam ser julgadas judicialmente pois nao deveriam ter filhos! So querem filhos para receber do estado!!

  2. Exter.eu recebia do excalao 2 e agora tou no excalao 3 e recebi menos tenho um filho de 5 anos e recebo o ordenado mínimo e o meu homem não trsbalha e não recebe nada

Deixar uma resposta