E se este ano não fosse de férias para o estrangeiro? (manual de sobrevivência III)

(continuação daqui)  Quer isso dizer que não é indiferente para o País gastar umas centenas de euros que tem alinhavados para as férias em Cuba ou em Portugal? Não, não é. Tem presente a campanha de ajuda à Madeira onde se apela para fazer férias na Madeira? Pois o encarecimento do custo do dinheiro nos mercados … Ler mais

Uma mentira que está a pegar e a lixar-nos a vida (manual de sobrevivência II)

(continuação daqui) Se o problema é andarmos a pedir dinheiro ao estrangeiro a preços cada vez mais incomportáveis, dava imenso jeito que quem está à rasca pudesse arranjar cá dentro quem emprestasse dinheiro a juros mais em conta. Porque é que alguém haveria de emprestar em tais condições? Bom, se a alternativa for ter de … Ler mais

O seu país precisa de si, evite fazer férias no estrangeiro (manual de sobrevivência I)

Um leitor desprevenido que ande a ler a imprensa pode ficar assustado com o facto de o Estado andar todos os dias a emitir dívida pública nos mercados internacionais e quem diz o Estado diz os Bancos, as SAD, as famílias. O que se passa é que como não conseguimos amortizar a dívida e continuamos … Ler mais

O dinheiro, sempre o preço do dinheiro

O preço do dinheiro. Em mais uma semana de excitação em torno da evolução esperada para as taxas de juro na Zona Euro – é semana de reunião no BCE – procedi à revisão da cábula sobre a oferta de depósitos a prazo pelos bancos nacionais que está permanentemente disponível no menu de topo do … Ler mais

Menos razões para subir o preço do dinheiro

Há menos razões para subir o preço do dinheiro. O Eurostat divulgou hoje os dados para a evolução dos preços actualizados com informação recolhida em Outubro. Atentando na Zona Euro apurou-se que a variação homóloga voltou a desacelerar tendo-se fixado nos 1,6% (1,7% em Setembro). Consequentemente, a taxa média de variação anual (vulgo Taxa de … Ler mais

O preço do dinheiro – 11 OUT 2006

Preço do dinheiro: a Inflação em Espanha e na França desce para valores próximos dos registados em Abril de 2004, as expectativas de queda das taxas de juro nos Estados Unidos vão-se reforçando, os preços do petróleo continuam a bater nos mínimos dos últimos (8) meses… Perante estes indicadores, as palavras de ontem de Trichet podem … Ler mais