Volume de Vendas de Habitações Disparou 30,8% em 2015

Apesar de no conjunto do ano os preços das habitações em 2015 não ter crescido tanto quanto em 2015 (3,1% em 2015 contra 4,3% em 2014) é um facto que o preço das casas acelerou no final de 2015. A taxa de variação homóloga do preço das habitações em Portugal aumentou progressivamente entre o primeiro e o quarto trimestre de 2015, passando de 0,8% nos primeiros três meses do ano, para 2,9% no segundo trimestre, voltando a subir 3,4% no quarto trimestre e fechando o ano a aumentar 5,0%. O dado mais impressionante é contudo este: o volume de vendas de habitações disparou 30,8% em 2015

Volume de vendas de habitações disparou 30,8% em 2015:

Quanto ao volume de habitações vendidas o INE informa que estas aumentaram 27,4% entre 2014 e 2015, tendo-se transacionado 107 302 habitações em 2015 (o valor mais elevado desde 2010) e, ao todo, foram movimentados € 12,5 mil milhões de euros em 2015, mais 30,8% que o valor observado em 2014.

Volume de vendas de habitações disparou 30,8% em 2015

Segundo o INE, com os dados do último trimestre de 2015, “os alojamentos existentes registaram, pelo quinto trimestre consecutivo, uma taxa de variação homóloga (5,1%) superior à observada para os alojamentos novos (4,8%).” Ou seja, depois de em 2014 não se ter detetado particular divergência na evolução dos preços de habitações usadas ou novas, em 2015 é evidente que as primeiras mantiveram o ímpeto de evolução dos preços do ano anterior enquanto que entre as habitações usadas os preços desaceleração significativamente. Sobre este tema o INE sublinha que tipicamente os preços das habitações usadas são mais voláteis descendo mais em períodos de crise e recuperando mais depressa quando há retoma.

Para quem tem particular curiosidade quanto a esta informação deixamos esta boa notícia do INE:

“inicia-se neste destaque a publicação de informação trimestral sobre o valor e número das habitações transacionadas em Portugal com detalhe regional ao nível de NUTs II (e ainda da área metropolitana do Porto). As novas séries iniciam-se no 1º trimestre de 2009 e, numa caixa no final do destaque, é efetuada uma breve apreciação do seu comportamento.”

Tagged under:

Deixar uma resposta