Défice Público no 1º Semestre 2016 ao nível mais baixo desde 2008

O défice público em contas nacionais apurado pelo INE – aquele que é relevante perante a Comissão Europeia – registou uma queda significativa para 2,5%. Esta queda é expressiva quer quando comparado com os 3,2% registados no primeiro trimestre do corrente ano, quer perante os 3,6% registados em igual período do ano anterior.

 

Défice Público no 1º Semestre 2016

No conjunto dos primeiros seis meses do ano o défice público ficou assim nos 2,8% muito abaixo dos 4,6% apurado no primeiro semestre de 2015, sendo o défice mais baixo desde 2008.

Segundo o INE, a melhoria do saldo das Administrações Públicas resultou da conjugação “do aumento de 0,2% da receita e de uma redução de 0,4% da despesa“.

O INE destaca ainda que o défice público caiu três décimas no ano terminado no 2º trimestre de 2016 em relação ao ano terminado no trimestre anterior, fixando-se assim nos 3,4% (ou seja entre o 2º trimestre de 2015 e o 2º trimestre de 2016).

Uma última nota para a taxa de poupança das famílias que registou um ligeiro aumento passando de 3,8% no 1º trimestre para 3,9% no 2º trimestre de 2016 “refletindo um crescimento ligeiramente mais elevado do Rendimento Disponível comparativamente com o da despesa de consumo final (0,7% e 0,6%, respetivamente).

Défice Público no 1º Semestre 2016 - Taxa de Poupança das Famílias 2016
Fonte: INE

Fonte: INE.

Um comentário sobre “Défice Público no 1º Semestre 2016 ao nível mais baixo desde 2008

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.