Confiança de Consumidores e Empresários em alta – Setembro de 2016

Os índices de confiança dos consumidores e dos empresários dos sectores da Construção e Obras Públicas, do Comércio por Grosso e a Retalhe e dos Serviços subiram em setembro de 2016. Entre os empresário da indústria os níveis de confiança estabilizaram. Em termos globais o indicador de clima estabilizou.

Estas são as conclusões principais dos Inquéritos de Conjuntura às Empresas e aos Consumidores divulgados pelo INE relativos às apreciações enviadas a este instituto por amostras representativas de consumidores e empresários dos vários sectores de atividade.

 

Confiança de Consumidores e Empresários em alta

No caso dos consumidores este aumento da confiança surge após três meses em que este registou quebras consecutivas. O INE afirma mesmo que:

“No mês de referência, a evolução do indicador resultou do contributo positivo de todas as componentes, perspetivas relativas à evolução da situação económica do país, da situação financeira do agregado familiar, da poupança e do desemprego. “

Na indústria o INE destacou a evolução positiva das opiniões sobre a  procura global e sobre a evolução dos stocks de produtos acabados e a evolução negativa das perspetivas de produção, tendo o indicador global estabilizado.

Na construção registou-se um máximo desde agosto de 2009 no indicador de confiança, prolongando-se uma tendência ascendente com as perspetivas de emprego e opiniões sobre a carteira de encomendas a evoluírem ambas positivamente.

No comércio assinala-se um máximo histórico (desde agosto de 2000) com o indicador de confiança a aumentar consecutivamente desde abril.

Nos serviços registou-se o segundo mês de recuperação consecutiva dos índices de confiança com destaque positivo para comportamento do indicador resultou do contributo positivo das apreciações sobre a evolução da carteira de encomendas e das opiniões sobre a atividade da empresa. Pela negativa refere-se as perspetivas sobre a evolução da procura.

Mais informação no sítio do INE.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.

NOS