Compra de Automóveis Maio 2016: Prego a Fundo

Compra de Automóveis Maio 2016

A compra de automóveis volta a acelerar em maio de 2016. Depois de abril ter revelado uma desaceleração muito significativa das vendas realizadas, justificada pela entrada em vigor de uma fiscalidade mais penalizadora no âmbito do ISV conforme determinado pelo Orçamento do Estado de 2016, o mês de maio revela uma nova aceleração.

 

Compra de Automóveis Maio 2016

Os dados preliminares da ACAP relativos à venda de veículos em maio de 2016 revela uma nova aceleração significativa das vendas em vários segmentos quando comparado com o mês anterior. Em alguns casos a taxa de crescimento das vendas (variações homólogas) mais do que duplica entre abril e maio como sucedeu com os  ligeiros de passageiros, de longe, a categoria de veículos automóveis mais vendidos em Portugal.

Compra de Automóveis Maio 2016

Compra de Automóveis Maio 2016; Com base em dados da ACAP

O ritmo de crescimento de vendas em maio fica ainda abaixo da média anual até ao momento em função do forte crescimento de vendas registado antes das alterações ao nível da fiscalidade. Contudo, face à evolução entre abril e maio parece evidente que o impacto da penalização fiscal se está a diluir rapidamente. Algo a confirmar nos próximos meses.

Observando por classe de veículos constata-se que os veículos pesados, tipicamente utilizados na atividade produtiva têm registado as maiores taxas de crescimento até ao momento em 2016: 33,1% a mais até maio face a igual período de 2015.

A categoria que está a crescer a um ritmo mais moderado é a dos comerciais ligeiros, ainda assim com um incremento acumulado de 16,4%.

Os veículos ligeiros de passageiros (+19,7%) representam 86% do total em termos de número de vendas realizadas devendo representar um pouco menos do que isso quanto ao total em valor monetário (dados indisponíveis).

Acompanhamento:

Continuaremos a seguir a análise deste tema e a publicar novos artigos referenciados aqui: Venda de Automóveis.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.