População empregada aumenta mais do que cai a desempregada

E uma novidade: população empregada aumenta mais do que cai a desempregada. O número de desempregado em janeiro de 2015 caiu ligeiramente em cerca de 10 mil indivíduos para um total de  683,2 mil pessoas mas a população que está a trabalhar aumentou em cerca de 21 mil no mesmo período. Há quatro meses que o número de empregados vinha a cair pelo que estes dados interrompeu essa tendência.

Tratando-se de uma Estimativas Mensais de Emprego e Desemprego os dados disponíveis para explicar o que sucedeu são muito limitados. Sabe-se apenas que o aumento do emprego foi transversal por sexo e grupo etário. Contudo as causas mais prováveis para o desfasamento serão um regresso de inativos (não classificados como desempregados) diretamente para uma situação de emprego e/ou o retorno de alguns emigrantes.

Os dados são relativamente pequenos em volume pelo que será necessário aguardar por mais detalhe e pela manutenção ou não deste movimento antes que se possa avançar de forma mais consequente em termos analíticos.

A taxa de desemprego foi de 13,3% em janeiro de 2015.

Tagged under:

Deixar uma resposta