Utilização de internet móvel disparou em 2014 – Inquérito às famílias portuguesas

Em apenas um ano, a utilização da internet através de um sistema móvel (telemóvel, smartphone, computador portátil ou outro equipamento portátil) aumentou 19 pontos percentuais em Portugal atingindo agora os 57%, um dos raros números em que as famílias portuguesas não estão abaixo da média comunitária em relação aos indicadores de uso da internet.

Quanto aos restantes indicadores registou-se uma manutenção das tendências já identificadas em anos anteriores, no sentido de um crescimento, mas a um ritmo que não está a permitir recuperar as diferenças face às me´dias da União Europeia. Um dos indicadores em que mais nos afastamos, segundo o INE; é no comércio eletrónico: “Em Portugal, a utilização da internet para efetuar encomendas é inferior à média na UE-28, em mais de 20 pontos percentuais.” Por outro lado, a percentagem de portugueses que usam a internet para se ligarem às redes sociais é superior à média europeia: 70% contra 53% respetivamente.

Ter filhos com menos de 15 anos parece ser um tónico para uma maior taxa de internet de banda larga nas famílias afinal, a percentagem de agregados familiares em Portugal têm ligação à internet em casa através de banda larga é de 63% enquanto que entre as famílias com crianças até aos 15 anos é de  87%.

Famílias com banda larga em casa 2014

Famílias com banda larga em casa 2014
Fonte: INE

Note-se que 1 em cada 3 portugueses nunca se ligaram à internet.

Os homens continuam à frente das mulheres quanto às taxas de utilização da internet: “A proporção de homens que utilizam computador e internet (69% para ambas as tecnologias) é superior à das mulheres, respetivamente em 7 e 8 p.p.. A prática de comércio eletrónico é também mais frequente no caso dos homens (19%) do que nas mulheres (15%).

Outro facto interessante é verificar que o comércio eletrónico está aciam da média nacional nas Regiões Autónomas, no Alentejo, no Algarve e em Lisboas parecendo haver uma separação Norte / Sul. No Norte a taxa de utilização é de apenas 14% enquanto em Lisboa é de 22% (17% na média nacional) a que não será alheia a menor percentagem de utilziadores de computador e de internet a norte.

Utilização de internet, computador e comércio eletrónico NUTS II 2014

Utilização de internet, computador e comércio eletrónico NUTS II 2014
Fonte: INE

Finalmente um destaque para a Proporção de pessoas entre 16 e 74 anos que contactaram com organismos da administração pública nos últimos 12 meses, aqui, desde 2011, Portugal superar a media da União Europeia ainda que, em 2013, a percentagem de utilziadores tenha diminuido tanto em Portugal (fixou-se nos 58%) como na UE (54%).

Pode encontrar mais detalhes sobre este inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Famílias no sítio do INE.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.