Vale a pena investir em depósitos duais ou indexados?

A resposta mais natural à pergunta do título é depende. Tal com o Banco de Portugal destaca, este tipo de depósitos combina investimentos com níveis de risco e remunerações muito diferentes não sendo possível, à partida, saber qual o retorno que irão oferecer. Para tal é preciso esperar pelo vencimento.

Este tipo de depósitos já terá sido bem mais popular do que atualmente e, talvez, a eventual venda desadequada (estavam longe de partilhar o nível de risco de um depósitos tradicional aos quais por vezes eram associados) ou os sucessivos maus retornos que durante alguns anos foram oferecendo aos clientes bancários tenham contribuído para alguma má fama que terão granjeado.

Muitas vezes, o próprio desenho dos produtos era bizarro isto se assumirmos que a motivação para a sua criação seria permitir uma melhor alternativa a outros produtos em termos de remuneração (seria mesmo assim?).

O que é certo é que estas apreciações são sempre especulativas e nem sempre tem sido fácil aferir precisamente até que ponto estes produtos se traduzem em ganhos ou perdas. Afinal, a informação limitava-se ao estrito universo dos investidores e seus intermediários financeiros sendo raras as exceções no passado  em termos de difusão pública dos retornos efetivos. Recordamos nesse aspeto que o Banco Big foi dos poucos que fez a divulgação à posteriori de como tinham corrido, em termos de retorno, os produtos entretanto vencidos que havia comercializado. Presentemente não temos informação sobre qual a prática corrente. Sabemos contudo que, a partir de agora, o Banco de Portugal, através do Portal do Cliente Bancário promoverá a divulgação publica, via internet, das remunerações efetivas associadas a depósitos duais e indexados já vencidos ou de tranches já vencidas caso seja aplicável. Será uma reação tardia do regulador mas, ainda assim, merece elogio e destaque. Para aceder a este repositório histórico que lhe permitirá, enquanto investidor potencial, comparar desempenhos passados, visite esta página do Portal do Cliente Bancário.

Já sabe que os rendimentos passados não dão garantias algumas quanto aos rendimentos futuros mas ficará com uma ideia do intervalo de oscilação dos retornos, pode antever alguns enviesamento sistemático por instituição financeira, caso exista e claro usar esta informação para ir em busca de mais detalhes. Por exemplo, quem sabe, passar a ler com mais atenção aos prospetos dos produtos ainda em comercialização cuja difusão o Banco de Portugal também centralizará.

Mais detalhes sobre Depósitos a Prazo, Depósitos Duais e Indexados no Melhores Depósitos a Prazo“.

Tagged under:

Deixar uma resposta