Taxa de juro implícita do crédito à habitação continua em queda

Tanto para o stock de crédito concedido como para os contratos celebrados nos três últimos meses, a taxa de juro implícita no crédito à habitação tem vindo a diminuir. No primeiro caso para 1,448% e no segundo para um pouco mais do dobro desse valor: 3,114%. São estes os dados relativos a março de 2013 apresentados pelo INE e sinalizando-se a queda das taxas face ao mês de fevereiro.Recorde-se que em março de 2012, a taxa de juro implícita para o stock era de 2,608% e a taxa de juro implícita para os contratos celebrados nos 3 meses anteriores era então de 4,425%.

A prestação média ronda agora os €260. O montante médio em dívida para os contratos de crédito à habitação era em março de €58.643 (€77.315 para os contratos firmados nos últimos 3 meses).

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.