Serviços: Exportações aceleram para 3,9%, importações colapsam (-13,4%)

 [wp_ad_camp_1]Já estão disponíveis os dados provisórios relativos à  Balança de Bens e Serviços de janeiro de 2012. Depois de termos divulgado o comportamento da componente de bens (ver em “Exportações resistem com crescimento de dois dígitos graças ao resto do mundo“) faltava agora conhecer o que se teria passado em termos de serviços e qual o andamento global.

Na realidade as exportações de serviços continuaram a aumentar em janeiro (+3,9%) face a igual período de 2011, aumentando ligeiramente face ao registo de dezembro mas evoluindo a um ritmo bastante inferior ao apurado para os bens vendidos ao exterior.

Quanto às importações a queda superou os dois dígitos (-13,4%). Em termos líquidos a balança de serviços melhorou significativamente face aos dois meses anteriores, com a taxa de cobertura da importações pelas exportações a rondar os 175%.

Em termos globais a balança de pagamentos registou uma taxa de cobertura próxima dos 90% (mas a deteriorar-se face a meses anteriores), indicando que ainda falta exportar mais um euro por cada 10 importados de modo a garantir que esta esteja equilibrada.

Fonte: SDDS e GEE -Ministério da Economia. Dados de base apurados pelo INE e Banco de Portugal.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.