Oficial: nasceu a Universidade de Lisboa, resultado da fusão do clássica com a técnica

O nome da nova universidade vai ser Universidade de Lisboa. De fora da fusão fica a Universidade Nova de Lisboa. Com esta fusão surge uma das mais abrangentes Universidade do país em termos de áreas de conhecimento envolvidas e gerida por um mesmo grupo reitoral.

Eis o excerto do comunicado do conselho de Ministros sobre este tema.

O Conselho de Ministros aprovou a fusão da Universidade de Lisboa e da Universidade Técnica de Lisboa, criando a instituição de ensino superior denominada Universidade de Lisboa (UL), como pessoa coletiva de direito público, dotada de autonomia estatutária, pedagógica, científica, cultural, administrativa, financeira, patrimonial e disciplinar.

A decisão agora tomada surge na sequência de um protocolo assinado pelos reitores e pelo Governo, em que se determina o projeto de fusão desencadeado pelas duas Universidades.

É, assim, dado um importante passo na construção de uma Universidade de investigação comprometida com o ensino e a inovação, centrada nas pessoas, que exerce a sua missão num quadro de liberdade académica, pedagógica, científica e cultural e que privilegia o mérito, com dimensão europeia e aberta ao mundo e que terá um papel decisivo na projeção da língua e da cultura portuguesas.

O mesmo diploma procede ainda à integração do Estádio Universitário de Lisboa, I. P., como serviço comum na UL, mantendo-se a sua atual designação, bem como o serviço que presta à comunidade académica da região de Lisboa e ao público em geral.

Tagged under:

Deixar uma resposta