Reembolso do IRS em 20 dias: saiba como segundo as Finanças

[wp_ad_camp_1]

Receber o reembolso do IRs em 20 dias é algo que poderá estar ao dispor de quem efectuar a entrega pela Internet mas não basta. A DGCI acaba de enviar uma circular aos contribuintes informando de quais os requisitos de eligibilidade para que o reembolso possa ocorrer em 20 dias:

” (…)1 – Os reembolsos são efectuados até ao 20.º dia seguinte ao da submissão da declaração, desde que:
a) A declaração não contenha nenhum erro que impeça a sua validação central;
b) Tenha sido indicado um NIB válido;
c) Não existam quaisquer dívidas fiscais à data de 31.12.10, de acordo com o estabelecido no art. 13.º do Estatuto dos Benefícios Fiscais;
d) Não esteja em causa a aplicação do regime dos Residentes Não Habituais (novo Anexo L da declaração) nem a imputação de rendimentos associados ao regime da transparência fiscal (Anexo D);
e) A declaração não fique pendente de nenhuma medida de controlo automático da liquidação ou qualquer outra situação pontual que necessite de esclarecimentos adicionais, prévios à sua liquidação.(…)”

Anotado? Eis os prazos de entrega do IRS em 2011.

Tagged under:

4 Comentários

  • Pingback:Tweets that mention Reembolso do IRS em 20 dias: saiba como segundo as Finanças | Economia e Finanças -- Topsy.com

  • Pingback:Reembolso do IRS 2011 – 20 dias depois da entrega da declaração? | Economia e Finanças

  • Vitor Rocha Responder

    E só uma pergunta. Se passar dos 20 dias como dizem podemos reclamar juros de mora, da mesma maneira de se paga coima por 2 horas de atraso devido a problemas tecnicos do site das financas?

  • NOKAS Responder

    grande treta,o meu cumpria todos os criterios e ainda nao lhe vi a cor e entreguei a 2.

Deixar uma resposta