Julho e Agosto ainda sem portagens nas Scuts do Interior e Algarve?

Depois de estarem prometidas para antes da Páscoa, com a mudança de Governo, a introdução de portagens nas SCUTS remanescentes está a aguardar pela conclusão do processo administrativo conducente à sua implementação. Quem percorra, por exemplo, a A23 reparará facilmente que os pórticos e a sinalização estão já devidamente instalados e, aparentemente, prontos a entrar em acção, de tal forma que, segundo os media, deverão estar já a começar a correr custos de arrendamento por parte do Estado a pagar à entidade responsável pela instalação e manutenção dessa infraestrutura.

Segundo as notícias mais recentes (por exemplo aqui: “SCUT: cobrança «deverá avançar em Setembro»“), muito dificilmente o processo administrativo e burocrático associado ao início da cobrança de portagens nas actuais SCUTS (localizadas essencialmente no interior do país e Algarve  servindo, entre outros, importantes fracções de trânsito internacional) estará concluído antes do final de Agosto/inícios de Setembro admitindo-se assim que mais uma época em que há habitualmente um pico de utilização destas auto-estradas se perca da perspectiva da arrecadação de portagens por parte do Estado.

Tagged under:

Deixar uma resposta