Documentos necessários para requerer o Passe Social + (act.)

[wp_ad_camp_1]

Eis a lista de documentos necessários para requerer o Passe Social +, segundo informação divulgada pela Carris (clique aqui para aceder a mais informação):

  • Cópia do documento de Identificação Civil e Cartão de Contribuinte (mediante apresentação dos originais);
  • Cópia da última declaração de IRS (mediante apresentação do original);
  • Cópia da Nota de Liquidação de IRS(mediante apresentação do original);
  • Requerimento de passe social+ (cada operador divulga online o respetivo formulário).

A exigência de informação é comum na área metropolitana de Lisboa e Porto como se pode comprovar pela informação do Metro do Porto (clique aqui para aceder).

Na região de Lisboa sublinha-se que o Passe Social + se encontra integrado com o Cartão Lisboa Viva devendo os utilizadores pedir a alteração do perfil dos respectivos cartões Lisboa Viva caso já os possua (por exemplo, o Metro de Lisboa faculta esse serviço nos Gabinetes do Cliente – estações Marquês de Pombal e Terreiro do Paço.

5 comentários

  1. Então pra quem já tem passé social. Se a data
    Do tal passe, expira pode tratar novo passe social ?
    Depois da entrada em vigor de novos passes.ou esse novo passe já é social? Quem terá direi a ter passe social propriamente dito??

    1. Só quem no ano anterior nao teve rendimentos, mas vamos la eu preciso do desconto do passe no ano anterior, ou preciso ele agora, quando me encontro desempregado????

      Ou sao atrasados mentais no governo, ou andam a gozar desaforadamente com as pessoas.

    2. Não, os portugueses que nao fizeram o irs, nao estão a receber nehum subsidio social, e estao desempregado nao tem direito a nada. Se fosses estrangeiro ja tinhas direito.

      AFINAL ESTE PASSE SOCIAL NAO TEM NADA DE SOCILA, QUEM QUISER PROCURAR TRBALAHO VÁ A PÉ.

  2. Afinal quem está desempregado, nao tem direito ao passe social, por causa do irs do ano anterior. Noa entedo, mais uma maneira de rouabr as pessoas e prejudicar agora quem está desfavorecido e nao tem rendimentos, uma barbariedade medieval.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.