Crescimento populacional Turco corresponde a 84,9% do crescimento total da União Europeia (2010)

Segundo informação hoje divulgada pelo Eurostat, a população da União Europeia continua a crescer (mais 1 368 500 habitantes) ainda que a um ritmo muito moderado. Há inclusive sete países onde a população está a diminuir em termos globais (incluindo Portugal e Alemanha) e oito onde nascem menos habitantes do que aqueles que morrem, número idêntico ao dos países com saldo migratório negativo.

A estatística do Eurostat acompanha também mais oito países há muito identificados como estando na esfera de influência da União (e potenciais futuros membros). Entre estes destaca-se a Turquia, país que apenas é superado em número de habitantes pela Alemanha e que regista taxas de crescimento populacionais impressionantes face ao contexto europeu. Em 2010, a Turquia aumentou a sua população em 1 161 700 habitantes, o que corresponde a 84,5% do crescimento registado em todos os 27 países da União Europeia. Este número é ainda mais significativo se considerarmos que o maior contributo para o crescimento foi endógeno, ou seja, fez-se por via de um número de nascimentos muito superior ao dos óbitos. De facto, o saldo natural turco correspondeu a 159,5% do crescimento populacional da globalidade da União Europeia. Ainda assim convém sublinhar que a Turquia vem registando uma capacidade de atrair imigrantes bastante apreciável tendo um saldo migratório claramente positivo, a que não será alheio o bom desempenho económico que vem registando.

Tagged under:

1 Comentar...

  • izabelaResponder

    adorei o site apesar de não ser isso q eu estava procurando…eu queria saber sobre o crescimento vegetativo/natural da turquia

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.