Boletim de Inverno de 2011 – Projecções para 2011-2012

Além de uma previsão de contracção da economia portuguesa este ano na ordem dos 1,3% o Banco de Portugal revê, com o seu Boletim de Inverno 2011, o conjunto dos indicadores macroeconómicos para a economia portuguesa em 2011 e anos subsequentes.

No quadro seguinte que extraímos do  Boletim de Inverno 2011  é possível analisar as principais projecções efectuadas com base em informação disponível até meados de Dezembro de 2011.

Destaca-se uma previsão do IHPC (Índice Harmonizado de Preços no Consumidor – um indicador muito próximo da habitual inflação) de 2,7% para 2011 que representa uma revisão muito significativa face ao previsto no Boletim de Outono (0,9 pontos percnetuais a mais) e o cenário francamente negativo para todas as componentes do PIB (óptica da despesa) com excepção da procura externa.  Bem como a forte revisão em baixa para a evolução do PIB, que antes era de variação nula.

Adicionalmente e como é habitual apresenta alguns dos estudos desenvolvidos no Banco como sejam:

  • Desempenho Educativo e Igualdade de Oportunidades em Portugal e na Europa: O Papel da Escola e a Influência da Família
  • A Poupança das Famílias em Portugal: Evidência Micro e Macroeconómica
  • As Estratégias de Revisão de Preços das Empresas Portuguesas: Evidência com Base em Dados Microeconómicos Sobre a Sensibilidade Cíclica dos Salários

Tagged under:

1 Comentar...

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.