Tentando defender Manuel Pinho

Iniciei o dia a ouvir estas declarações de Manuel Pinho: “Manuel Pinho fala nos baixos salários portugueses como razão para investimento chinês em Portugal”, na TSF. Ainda meio estremunhado atribui-as àquele misto de realidade e sonho com que passo os primeiros minutos da manhã. Confirmando a notícia, havendo já as primeiras reacções e tendo já desabafado com sarcasmo o primeiro comentário que esta notícia me provocou, tento agora defender o senhor.

Ora a China sabe bem a relevância de se ter mão-de-obra barata logo… Manuel Pinho terá pensado que…  Apesar da China ter o maior contingente do mundo de mão-de-obra barata este não é facilmente… Desisto. Não encontro ponta por onde se lhe pegue. Alguém pode dar uma ajudinha?

2 comentários sobre “Tentando defender Manuel Pinho

  1. Amado disse que seria ofensivo falar respeito pelos Direitos Humanos porque se estava ali para negócios, e porque alguns parceiros europeus ignoram também eles essa questão.

    Pinho disse que somos um país ainda mais miserável que o miserável chinês, ressalvando ainda que estamos abaixo dos novos países que aderiram à UE.

    Ou seja, o modelo de desenvolvimento, apesar da propaganda e do powerpoint não mudou: apenas e só baixos salários!

    Daí o desprezo por tudo que envolva Conhecimento e hordas de Licenciados, Mestrandos e Douturados no desemprego.

    Isto é Portugal, liderado por gente canalha. Baixos salários num Mundo baseado no Conhecimento nunca foi vantagem competitiva.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.