Blogs do Ano - Nomeado Política, Educação e Economia

Certificados de aforro com procura acrescida 2006

Certificados de aforro com procura acrescida em 2006. Continuando a acompanhar o que se vai passando com os certificados de aforro, na senda do que temos vindo a fazer aqui, hoje, através deste artigo do Diário de Notícias, “Governo aumenta emissão de certificados de aforro”, ficamos a saber que a procura por este produto de poupança, que é também uma forma de o Estado financiar a dívida pública, está em crescendo. Com a subida das taxas de juro, poupar sem risco começa a ter algum interesse. E a poupança no global como estará a evoluir? Nos últimos anos a taxa de poupança nacional não tem parado de diminuir. Será que algo vai mudar com a inversão da tendência de evolução dos juros?

Procura informação sobre as alterações aos certificados de aforro anunciadas em 24 de Janeiro de 2008? Então terá interesse em ler: “Os certificados de aforro acabaram (morreram por falta de interesse)

Tagged under:

1 Comentar...

  • Luciano GomesResponder

    Bom, o conteúdo da notícia parece que tem vindo a ser desmentida por anunciadas intenções do Governo em retirar aos certif. de aforro alguma da sua atractividade, ou seja, uma tx de juro não negativa. Os bancos estão há muito ávidos por abocanhar estes pecúlios e depois emprestarem eles o dinheiro ao Estado e ficar com a margenzinha.. Porém, o tiro pode sair pela culatra porque vai havendo cada vez mais gente a aperceber-se de que as txs que os bancos pagam não repõem a depreciação da moeda e, porque não hão-de pensar em antecipar os seus consumos? umas feriazinhas na caraíbas, um pópó melhor enfim abrir os cordões à bolsa e lá se afunda ainda mais a poupança nacional.

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.