Economias Mundial e Europeia Deverão Continuar a Crescer mas a um Ritmo mais Moderado

A OCDE atualizou as suas previsões económicas para 2016 e 2017 e reviu em baixa os valores das projeções que haviam feito em novembro. Na prática, as economias mundial e europeia deverão continuar a crescer mas a um ritmo mais moderado.

A revisão em baixa é particularmente intensa para países como o Brazil (destacado), o Canadá, a Alemanha, os Estados Unidos ou mesmo a Área Euro como um todo. A OCDE não divulgou projeções específicas sobre Portugal neste “Interim Economic Outlook“. Como nota positiva uma expetativas ligeiramente mais favorável sobre a Índia e uma estabilização relativa à China.

Economias mundial e europeia deverão continuar a crescer
A OCDE sumariza a situação da seguinte forma, apresentando algumas recomendações:
Sumário OCDEEm português:

  • O crescimento mundial estagnou devido à contenção do comércio internacional, do investimento e do crescimento dos salários nas economia desenvolvidas;
  • Pela fragilidade dos modelos de crescimento económico das economias emergentes, exposta pelo abrandamento do comércio e dos preços das matérias primas;
  • Apesar do reforço da queda dos preços do petróleo e das taxas de juro o cenário para 2016 e 2017 continua a ser de crescimento fraco;
  • Existência de situações de risco significativo centradas na volatilidade dos mercados e na dívida existente nos mercados emergentes;
  • Necessidade de ação coletiva e concertada a nível orçamental e maior ambição ao nível das políticas estruturais deveria aumentar o crescimento global reduzindo os riscos financeiros.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.