Mercado de trabalho degrada-se em maio de 2015 em Portugal

As estatísticas do emprego e do desemprego continuam a revelar uma situação de alguma variabilidade. Depois de uma melhoria em abril, apontam agora para uma degradação do mercado de trabalho em maio de 2015.

Segundo o INE, a taxa de desemprego subiu de 12,8% em abril para 13,2% em maio (acima da estimativa preliminar para o trimestre terminado em abril que havia sido de 13,0%) o que representa um aumento do número de desempregados de mais de 19,1 mil pessoas somando 676,8 mil pessoas. Note-se que nestes números não se incluem aqueles que, entre outros, desistiram de procurar emprego ou que decidiram emigrara podem ou não estar empregados nos países de destino.

Também o nível do número de empregos existentes na economia a situação se degradou e de forma ligeiramente mais significativa dado que se destruíram 22,7 mil empregos concentrados essencialmente entre pessoas com mais de 24 anos. Nestes número estão incluídos os contingentes que beneficiam de estágios e contratos apoiados pelo Estado.

 

Tagged under:

Deixar uma resposta