Crédito malparado continua a bater máximos históricos

O crédito malparado continua a bater máximos históricos em Portugal. Segundo dados de fevereiro de 2015 divulgados pelo Banco de Portugal a percentagem de crédito malparado registou o seu valor mais elevado da atual série cronológica quer na sua componente relativa a particulares quer na relativa a empresas não financeiras.

Por cada €100 de crédito concedido a particulares, €4,38 são agora considerados incobráveis. No caso das empresas, por cada €100 de crédito concedido €15,11 são incobráveis. A qualidade da carteira de crédito existente nos balanços dos bancos continua assim a degradar-se com este que é um dos indicadores persistentemente negativos há vários anos.

Continua no artigo seguinte com mais detalhes sobre o crédito às empresas e particulares.

Fonte: BdP e nota do GEE.

Tagged under:

1 Comentar...

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.